26 de junho de 2011

O que faz bem pro coração?

Encontrar com amigos! Se ver no meio de pessoas queridas e que te amam. Diversão deliberada, risos desmedidos, abraços incondicionais, lembranças e recordações sem fim foi o que embalou meu sábado à noite.

Com as atribulações do dia a dia, com as agendas lotadas de compromissos e à fazeres, com o distanciamento imposto pelas obrigações e à vida, nos esquecemos muitas vezes, que o tempo passa rápido! Nos falamos hoje e quando vamos perceber, passaram-se semanas se que a gente não entre em contato uns com os outros. E logo hoje em dia, com tanta tecnologia à nosso serviços, em nossas mãos: emails, torpedos, celular... mas acabamos nos deixando levar pela nossa "falta de tempo" constante. na verdade, falta de organização para administrar e fazer sobrar espaço para tudo que nos é importante e fundamental na vida.

Trabalhar e estudar é preciso. Mas outras coisas também são. Os amigos, por exemplo, são essenciais. Eles não nos servem apenas nas horas difíceis não. Assim como nós para eles. Temos que compartilhar as horas boas também. E não precisa ser uma mega comemoração não. Amigo que é amigo fica satisfeito e feliz apenas com uma presença. Nem que seja por 5 minutinhos numa pracinha tomando sorvete. Pode crer que vai ser o programa mais agradável e mais prazeroso do dia. Uma visita surpresa também agrada. Assim como pequenos gestos como ligar apenas para dar um oi ou fazê-los perceber que são importantes para nós. A gente ganha tempo em emoção e em vida estando com eles...

Às vezes, naquela de esperar o momento perfeito, procurar as palavras mais belas, os programas mais adequados acabamos deixando passar o momento de demonstrar nosso afeto, nossa felicidade e satisfação. Prometi a mim mesma que não farei mais isso! Há medida que eu puder estarei demonstrando a todos que são importantes em minha vida sua devida importância. Falarei o que for preciso e não medirei esforços para arrumar uma brecha na minha agenda. E, para que outros dias e horas tão agradáveis e divertidas como às de ontem, se repitam por muitas e muitas vezes, durante anos.

                                     


AMIGOS SÃO A NOSSA SEGUNDA FAMÍLIA,
A FAMÍLIA DO CORAÇÃO.

SÃO PESSOAS QUE SE ENCONTRAM, QUE SE RECONHECEM
E QUE DECIDEM POR VONTADE PRÓPRIA ESTABELECER
UMA RELAÇÃO RESPEITOSA, VERDADEIRA,
LEAL E SINCERA!

GRAÇAS À DEUS, EU TENHO AMIGOS!
POSSO CONTAR NOS DEDOS QUANTOS "AMIGOS"...
 EU TENHO!
MELHOR TER POUCOS E VERDADEIROS
DO QUE VIVER RODEADO DE GENTE
E NÃO PODER NOMEAR
NENHUM DE AMIGO!


Um comentário:

Dama de Cinzas disse...

Já disse isso no meu blog e vou dizer aqui. Sinto falta de amigos para horas boas, de diversão, de relaxamento. Nas horas difíceis até que eles me socorrem na boa.

Beijocas