5 de junho de 2009

Corrida à favor da água.

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2009: Dia Nacional do Meio Ambiente!


Hoje, mais do que nunca é um dia para parar e colocar a mão na consciência. Não só pelo mal uso dos recursos naturais como para o alerta de que, se não soubermos administrar bem o uso da água, ela vai ser escassa. Ou seja, a água pode acabar! Diariamente temos inúmeros desperdícios de água e já há programas implantados pelo governo (escolas e comunidades carentes) que auxilie a população a diminuir o desperdício e saber utilizar este bem comum de maneira responsável! Esta nova política de uso não só vai fazer um agrado ao bolso mas como ao planeta também. Não nos damos conta da importância da água em nossas vidas e para nossa sobrevivência porque ela está sempre ali. Mas será que não conseguimos refletir um instante como seria a vida sem ela? Além da falta de água acarretar problemas de saúde, desigualdades e pobreza, ainda pode contribuir para acelerar ainda mais o processo do Aquecimento Global. A Unesco divulgou recentemente um relatório onde afirma que até 2030, milhões de pessoas podem sofrer com a falta d'água no planeta. Já que com o crescimento desordenado da população e sem um plano de controle a demanda de água pode exceder mais do que as reservas e estoques global. Segundo a Unesco, em entrevista ao site do Globo, hoje em dia, os dados já são alarmantes: "Na África, meio bilhão de pessoas já padecem com o problema. Cerca de 80% das doenças nos países em desenvolvimento estão ligadas à água, causando três milhões de mortes precoces a cada ano. Cinco mil crianças morrem de diarreia por dia no planeta, sendo que 10% dos casos poderiam ser evitados com medidas básicas de higiene e saneamento. Claro que se fomos pensar no Meio Ambiente, há tantos outros tópicos para se preocupar: o desmatamento das florestas, o crescimento demasiado da população para área de preservação, animais em extinção, poluição do ar, queimadas, o lixo nas cidades e oceanos... uma lista que não acaba mais. Porém diante deste alerta, acho que a prioridade seria repensar o valor e os meios de utilização de água potável no planeta. Segundo Comitê Brasileiro do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, o Brasil mostra avanços significativos na área de preservação do meio ambiente, em relação aos 20 anos anteriores, mas ainda tem um amplo dever de casa a cumprir. De gestos pequens, chegaremos a um grande resultado, pois brasileiro tem mania de comparação: "- se fulano não faz, porque é que eu vou fazer?". Porque que pensa em economizar, quem pensa no próximo e em si mesmo, quem faz a sua parte sem esperar que façam também são as pessoas que têm grande chance de sobreviverem em um mundo que se formará diante de nossos olhos, há um futuro não tão distante. Foi-se o tempo em que se via filmes de ficção na TV e pensava que nunca iria acontecer conosco. A cidade sob rigidas leis, destruída ecologicamente, população sem direitos, só deveres! Se não acordarmos hoje para contribuir com as mudanças que salvem nosso planeta e ainda podem garantir nossa sustentação, amanhã poderemos acordar e um destes filmes, só que permanentemente.


Vamos repensar o valor não só dá água mas dos recursos naturais em nossas vidas. E acima de tudo, respeitar!!!!


Beijos e bom final de semana.

Um comentário:

Luiz Marinho disse...

Um blog a mais no mundo é só um blog a mais no mundo. Mas um blog que se destina a reflexão, a conscientização e a extrair os pensamentos de uma mente tão genial como da Fernanda é diferente. É um lugar que vou querer visitar sempre que puder para pegar ideias e me inspirar. É uma voz a mais na multidão, mas se destaca pelos principios que carrega e pela sensibilidade da autora. Boa sorte!
beijos!